Página Inicial / Cultura / Oficinas de Resistência Quilombola

Oficinas de Resistência Quilombola

Muita gente do bem envolvida nesse coletivo que e nosso antro de afeto e resistencia. Donana, Wakay, e todos que não fiz um convite individual, perdão. Muito corrida com a viagem de fim de ano . E engraçado que não tinha me atentado que as oficinas foram no dia de Reis, como se fossemos presentear o Menino Jesus. Jô da Bahia e um espetáculo já na presença, levitando miolinho como dendê no Samba de Roda, fazendo as crianças delirarem com o tacho de vatapá. Confesso que a primeira criança fui eu, a Meter o dedo naquela manjar africano e ancestral. Raquel e nossa cineasta, Roquelina, uma das mais inteligentes cabeças pensantes, Raquel a matriarca quilombola que deixa tudo tranquilo, a Rainha da Paz com a Rainha Quilombola Rejane que dança em transe e nos inebria com sua energia de axe que transborda no futuro da princesa Raquel , doce como a água do rio e de todas crianças quilombolas no grande círculo tribal orientado por Joana Darc na buodanca.

Além disso, verifique

CENTRO CULTURAL QUE LADEIRA É ESSA! Gaby Cerqueira

O centro cultural que ladeira é essa? Agradece a todos que contribuiram para o retorno ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *