Página Inicial / Colunistas / Sarau da Sereia no Rio Vermelho

Sarau da Sereia no Rio Vermelho

Flores no mar, música da terra e deliciosos quitutes assinados pelo Boteco do Crioulo brindam o dia 1º. De Fevereiro no bairro do Rio Vermelho, a espera da Festa de Yemanjá com o Sarau da Sereia e o Balaio Verde da produtora cultural Luzia Luz.
Pelo quarto ano consecutivo o Sarau da Sereia vem agitando as noites de Salvador e o palco da próxima edição será o Red River Hostel, próximo à entrada da praia do buracão. Agnoell Djymbê Crioulo promete muita festa e animação com o Sarau da Sereia, que este ano tem como convidado o cantor e compositor Aimone Plugleise trazendo grandes releituras de clássicos da MPB e é claro um repertório bem dançante.
O evento que tem início às 20h. vai contar com apresentações musicais, deliciosos petiscos, caldos e serviço de bar com cerveja, refrigerante, drinks e água. Para o encerramento Agnoell Djymbê Crioulo sobe ao palco apresentando canções de grande sucesso produzidas na Bahia à exemplo de É D’Oxum (Gerônimo), Charles Ilê (Carlinhos Bronw), Milagres do Povo (Caetano Veloso) e “Vida Verão” de sua autoria em parceria com o instrumentista Matheus Conceição.
Os ingressos custam R$ 10,00 e as vendas são antecipadas no local : Red River Hostel – Rua Marquês de Monte Santo, 290 – Rio Vermelho.
HISTÓRIA DA FESTA DE IEMANJÁ
A tradição, segundo historiadores, teve início em 1923, quando um grupo de 25 pescadores resolveu oferecer presentes para a “mãe das águas” na expectativa de que ela pudesse resolver o problema de escassez de peixes. A partir de então, todos os anos eles pedem à orixá fartura de peixes e mar tranquilo. Entre as superstições que envolvem as homenagens, está a questão da receptividade dos presentes. Reza a lenda que, caso o presente seja encontrado na beira da praia, é porque a divindade não gostou da oferta.
Quando a oferenda desaparece no mar, no entanto, é sinal de que o presente foi aceito. Nos últimos anos, são realizadas campanhas de conscientização para que as pessoas adotem presentes sustentáveis, como uma forma também de preservar o meio ambiente.
BALAIO VERDE PRESENTE NO SARAU DA SEREIA
Luzia Moraes participa há 5 anos do Projeto Balaio Verde, em parceria com a Secretária de Cidade Sustentável / Prefeitura de Salvador, que envolve artistas, atletas, jornalistas e público em geral na conscientização da preservação das praias de Salvador. A Campanha ganhou tanta visibilidade que vem sendo realizada o ano inteiro em praias de Salvador e do Estado, tendo convites para o exterior como a região da Toscana, na Itália. As atividades envolvem o recolhimento de resíduos sólidos, orientação para quem estiver no local sobre a importância de se manter às praias limpas e a preservação das espécies, além da entrega das sacolinhas * Meu lixo Eu Levo Comigo* para os banhistas colocarem seu lixo.
Arte Agnoell Criolo
Fotografia Lilly Kallscheuer

Além disso, verifique

Palhaços do Rio Vermelho anunciam os reis do carnaval 2019 – Luzia Moraes

Palhaços do Rio Vermelho anunciam os reis do carnaval 2019   O Ministério da Alegria ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *